Agricultor conta em vídeo como dopou Zé do Valério para que a polícia prendesse o foragido

Policiais do Piauí e do Ceará prenderam na manhã desta sexta-feira (12/07) José Pereira da Costa, vulgo Zé do Valério, suspeito de estuprar e matar a universitária Danielle Oliveira Silva, de 20 anos, crime ocorrido no dia 25 de abril em um sítio na zona rural do município de Pedra Branca, no interior do Ceará. A informação da prisão do foragido foi confirmada ao Em Foco pelo major Etevaldo Alves, comandante do 15º Batalhão de Campo Maior.

A Prisão de Zé do Valéria aconteceu na Comunidade Jatobá Medonho, na zona rural de Buriti dos Montes, município da Região dos Carnaubais, localizado a 250 km ao Norte de Teresina. Informações, ainda não confirmadas pela polícia, dão conta de que o fugitivo foi preso depois de pedir água e comida em uma residência e o proprietário, identificado por João Elias (Foto acima), colocou dois compridos de diazepan dentro da comida. Depois acionou os policiais.

“Policiais do 15º Batalhão estão na região, mas a comunicação é muito ruim e não conseguir maiores detalhes. Desconheço essa informação, mas vou me certificar de como foi a ação da prisão do suspeito” disse o comandante ao Em Foco.

Em um dos vários vídeos que circulam nas redes sociais do momento da prisão de Zé do Valério, ele diz a policiais que tinha medo de ser morto por populares e que no dia que trocou tiros com os policiais só não se entrou porque pensava que eram populares querendo lhe matar.

O CRIME

Zé do Valério é suspeito de assassinar Danielle Oliveira Silva, de 20 anos, que foi encontrada morta no dia 25 de abril deste ano com sinais de agressão no rosto. O corpo da jovem estava no sitio da família, em Pedra Branca. O crime revoltou os moradores da cidade.

O vaqueiro havia trabalhado no sítio da família, onde a universitária estava antes de ser morta. Ele prestava serviços como vaqueiro e amansando animais.

Danielle era filha de pequenos produtores rurais de queijo e cursava faculdade de Administração. A jovem também era dona de uma pequena loja na cidade.

Fonte: Campomaioremfoco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *