Mais de 45 mil famílias do Piauí têm direito à tarifa social e não sabem

Mais de 277 mil famílias piauienses têm direito à tarifa social de energia elétrica, mas ainda não recebem o benefício por não terem realizado o cadastro junto à Equatorial Energia ou porque não atualizaram o cadastro junto aos CRAS – Centros de Referência e Assistência Sociais.

Das cidades piauienses que possuem maior número potencial para cadastros na Tarifa Social estão: Teresina  (45.494), Parnaíba (8.498), Picos (7.164), Barras (4.797), Pedro II (4.735) e Piripiri (4.689).

Essas pessoas preenchem os critérios necessários, mas não são beneficiadas porque não fazem o cadastro. Muitas não conhecem o programa, daí a necessidade de conscientização.

Confira o ranking dos 10 municípios piauienses com o maior número de famílias que podem ter a conta mais barata:

Confira os critérios para se cadastrar no programa:

Quem tem direito?
Para ter direito ao benefício da Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE), deve ser satisfeito um dos seguintes requisitos:

1) família inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal – Cadastro Único, com renda familiar mensal per capita menor ou igual a meio salário mínimo nacional; ou

2) quem receba o Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social – BPC, nos termos dos arts. 20 e 21 da Lei nº 8.742, de 7 de dezembro de 1993; ou

3) família inscrita no Cadastro Único com renda mensal de até 3 (três) salários mínimos, que tenha portador de doença ou deficiência cujo tratamento, procedimento médico ou terapêutico requeira o uso continuado de aparelhos, equipamentos ou instrumentos que, para o seu funcionamento, demandem consumo de energia elétrica.

Como se cadastrar:
Passe em um posto da Equatorial Piauí com seu número de inscrição social, carteira de identidade, CPF e conta de energia ou fale com os leituristas no ato da leitura do medidor de sua residência. Ele pode rapidamente conferir seus dados para verificar se você preenche os critérios necessários e cadastrá-lo no programa. Caso não tenha o NIS (Número de Inscrição Social), você deve ir à prefeitura da sua cidade ou ao centro de Referência da Assistência Social, o CRAS, para fazer sua inscrição.

cidade verde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *