Pai que esfaqueou seu filho 76 vezes é inocentado pelo juiz

Um pai que esfaqueou seu menino de apenas cinco anos 76 vezes foi inocentado pelo assassinato do filho. O julgamento do pai, que teve o nome mantido em sigilo, ocorreu nesta quarta-feira (24/07) em Sydney na Austrália. As informações são do Mamãe Bebê do R7. 

O juiz Peter Hidden afirmou que o homem de 38 anos que sofre de esquizofrenia estava no meio de um surto psicótico quando esfaqueou o filho e não entendeu o que estava fazendo de errado. Por isso, o juiz afirmou que ele não deve ser condenado pelo assassinato do filho.

O homem foi enviado a uma clínica psiquiátrica. No julgamento também foi revelado que ele esfaqueou o filho porque acreditava que ele era o demônio. Ele atacou o filho quando a mãe e a avó saíram de casa.

O pai atacou o filho com uma faca de cozinha quando ele estava dormindo. Quando a avó retornou, encontrou o pequeno sem vida na cama e o levou para o hospital, onde foi constatado que ele havia morrido.

A própria avó relatou para os médicos e os policiais que o filho havia tirado a vida de seu neto. Também foi revelado que a avó havia tentado internar o filho em uma clínica psiquiátrica dois dias antes do terrível ocorrido, mas não havia vagas. “Eu já tinha medo de um dia acordar e ver que meu filho havia matado meu neto”, disse a avó em revelação feita no julgamento.

A família apoiou a decisão do juiz de enviar o homem para uma clínica psiquiátrica. Não foi revelado quando tempo ele ficará na clínica.

Mamãe Bebê do R7

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *