Veja nomes que podem substituir Ciro na disputa pelo Governo, segundo Aluísio Sampaio

senador Ciro Nogueira (PP) vai assumir em breve a Casa Civil do governo Bolsonaro. Isso não impede que ele deixe o cargo em 2022 para disputar o Governo do Piauí, mas muita gente já especula outros nomes caso o parlamentar desista.

Em entrevista ao portal GP1, o presidente municipal do Progressistas, vereador Aluísio Sampaio, revelou sobre como ficará a composição da chapa majoritária. O partido já começa a buscar nomes que possam substituí-lo, como de pessoas do próprio Progressistas, como a deputada Iracema Portella, até mesmo do PSDB, como o ex-prefeito Sílvio Mendes.

Iracema Portella, Margarete Coelho, Elmano Férrer, Júlio Arcoverde e Silvio Mendes
Iracema Portella, Margarete Coelho, Elmano Férrer, Júlio Arcoverde e Silvio Mendes 

“A deputada Iracema é um nome que tem história no Piauí, tem a deputada Margarete Coelho, senador Elmano Férrer, o próprio deputado Júlio Arcoverde, nomes que têm o DNA Progressista e também temos um partido que é nosso aliado natural, que compomos agora uma aliança na capital e certamente isso será repetido, que é o PSDB que tem dentro dele outros nomes, como o Sílvio Mendes”, elencou Aluísio Sampaio.

“Particularmente, eu ainda tenho o desejo, que não é só meu, mas em todos os lugares que andamos, o nome de Ciro Nogueira é um nome muito forte, e eu torço para que o senador se descompatibilize e seja candidato a governador, mas se não for tenho certeza que será por um bem maior”, contou.

“Mas, tudo pode acontecer, inclusive, Ciro Nogueira pode ser candidato sim, ele está apto pra isso, e o cargo que ele assume é um cargo que vai ganhar o Piauí, então vamos torcer para que a gente possa ter a retomada da economia, a expectativa do segundo semestre já era muito grande e com a capacidade e competência da articulação política do senador Ciro Nogueira, certamente, o governo Bolsonaro irá surpreender a todos os brasileiros”, concluiu Aluísio Sampaio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *