Wellington Dias afirma que piauienses podem ser vacinados até outubro

Assim como São Paulo anunciou nesta semana, governador Wellington Dias afirmou, neste sábado (5), que existe a possibilidade de todos os piauienses com mais de 18 anos serem vacinados contra a Covid-19 até o mês de outubro.

Segundo o Governo do Piauí, a possibilidade existe  em razão da aprovação, por parte da Anvisa, da importação excepcional de doses das vacinas Sputinik V e Covaxin, além das 6 milhões de doses que serão doadas pelos Estados Unidos ao Brasil e países da América Latina.

“Conseguimos ampliar a vacinação. Queremos no Piauí até outrubro  vacinar todas as pessoas no Piauí com mais de 18 anos. Vamos garantir agora a vacinação de quem tem entre 55 e 59 anos e dar prosseguimentos aos grupos com comorbidades, gestantes, pessoas com deficiência e profissionais atuantes. Vamos acelerar a vacinação nos 224 municípios e agora, com acesso à diversas vacinas, com certeza vamos conseguir imunizar todo o povo do Piauí”, disse o governador.

Ontem a Secretaria de Estado da Saúde anunciou que pelo menos 50% das próximas doses de vacina que chegarão ao Piauí serão destinadas para a população geral sem comorbidades em idade decrescente a partir de 59 anos; 30% serão usadas para dar continuidade à imunização do público com comorbidades e 20% para categorias consideradas essenciais nas áreas de saúde, educação, jornalismo, serviço social, limpeza pública e outras, observando as diferentes normativas especificas.

A ideia é iniciar a vacinação da população em geral de 18 a 59 anos a partir da próxima semana com a chegada de novas vacinas. A imunização vai acontecer por ordem decrescente de faixa etária e será feita de forma paralela aos grupos prioritários.

De acordo com dados do Vacinômetro da Sesapi, 617.589 piauienses receberam a 1ª dose de vacina contra a Covid e 290.848 completaram o esquema de imunização com a segunda dose. O Piauí tem 18,82% da população vacinada com a 1ª dose e  8,86% com as duas doses.

 

Fonte: Cidade Verde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *