FMS abre hoje agendamento de 3ª dose para idosos a partir de 87 anos e imunossuprimidos

A partir das 18h desta quinta-feira (07), os idosos de 87 anos e mais, que não conseguiram tomar a dose de reforço nos drives-thru, e pessoas imunossuprimidas (com baixa imunização) de todas as idades, poderão agendar a vacinação da sua terceira dose.

A Fundação Municipal de Saúde (FMS), informa que o agendamento é feito através do site Vacina Já.

A coordenadora da campanha de vacinação contra a Covid-19 em Teresina, Emanuelle Dias, ressalta que para ter direito à vacina os idosos devem ter no mínimo seis meses da administração da segunda dose, enquanto os imunossuprimidos devem ter pelo menos 28 dias.

No momento da vacinação, os pacientes devem apresentar documento de identificação com foto, CPF ou cartão do sus e o cartão de vacina com o registro das doses anteriores. No caso dos imunossuprimidos, eles devem apresentar também um laudo médico ou prescrição que comprove a inclusão nesse grupo.

Segundo a FMS, são consideradas pessoas imunossuprimidas:

1. Pessoas com imunodeficiência primária grave
2. Pessoas em quimioterapia para câncer
3. Transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas;
4. Pessoas vivendo com HIV/AIDS.
5. Pessoas em uso de corticoides em doses ?20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por ?14 dias.
6. Pessoas em uso de drogas modificadoras da resposta imune
7. Pessoas com doenças auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias;
8. Pacientes em hemodiálise
9. Pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas

De acordo com as orientações do Ministério da Saúde, as drogas modificadoras da resposta imune e doses consideradas imunossupressoras são as listadas abaixo:

– Metotrexato
– Leflunomida
– Micofenolato de mofetila
– Azatiprina
– Ciclofosfamida
– Tacrolimus
– 6-Mercaptopurina
– Biológicos em geral (infliximabe, etarnercept, humira, adalimumabe, tocilizumabe, canakinumabe, golimumabe, certolizumabe, abatacepte, secukinumabe, ustekinumabe)
– Inibidores da JAK (tofacitinibe, baracitinibe e upadacitinibe)

Da Redação
redacao@cidadeverde.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *