Projeto quer fixar 13º salário para beneficiários do Bolsa Família

O senador Ciro Nogueira apresentou um projeto no Senado que fixa o 13º salário para beneficiários do Bolsa Família. O recurso extra está sendo pago pela primeira vez este ano por conta de uma promessa de campanha do presidente Jair Bolsonaro. No Piauí, por exemplo, 444 mil famílias deverão receber o valor dobrado. O pagamento começou na terça-feira (10).

“Eu parabenizo o presidente Bolsonaro por ter dado essa oportunidade para o povo, um povo carente, receber o 13º, mas isso fica muito a critério do governante. Um ano ele pode dar, no outro pode não dar. O nosso projeto torna obrigatória esse pagamento aos usuários do Bolsa Família”, afirmou em entrevista à TV Cidade Verde.

Além do Bolsa Família, o projeto engloba também os beneficiários do Benefício de Prestação Continuada (BPC). O BPC é um benefício de renda no valor de um salário mínimo para pessoas com deficiência de qualquer idade ou para idosos com idade de 65 anos ou mais que apresentam impedimentos de longo prazo, de natureza física, mental, intelectual ou sensorial e que, por isso, apresentam dificuldades para a participação e interação plena na sociedade.

“Queremos corrigir uma distorção, um erro, uma injustiça muito grande com os beneficiários do BPC. São as pessoas que criam seus filhos deficientes, seus idosos, que precisam receber também esse benefício. Temos o absurdo do bolsa presidiário que recebe o 13º e o BPC não recebe. São essas situações que nós temos que corrigir”, afirmou.

O mesmo projeto foi apresentado pela deputada federal Iracema Portella na Câmara Federal.

Hérlon Moraes
herlonmoraes@cidadeverde.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *